sábado, 18 de abril de 2015

Série Poesias: 15 quadras (Fev/2015)

15 quadras


Foi naquele bar da escola
Te vi, você nem me deu bola.
Sai correndo pela escada.
E você veio toda descolada.

Não foi um mero acaso.
E você estava um arraso.
Com aquele sorriso só teu
Eu me sentia no apogeu.


15 quadras bem depois
paramos apenas nós dois
o tempo não existia
e me lembro como você sorria.

Então aflorou o nosso desejo
E veio logo o segundo beijo.
Me sentia um tremendo bobalhão
Insegurança me toma ao tocar tua mão.

Me diga, o que foi que aconteceu?
Quando eu deixei de ser eu?
E pq me sinto perdido?
Me conte, onde que tudo morreu?
Porque que foi que se perdeu?
Eu me sinto esquecido.

Eu fico olhando pela janela
Esperando aquela bela
Pois eu estou em perigo.
Sei que podia ser diferente
Contigo fui displicente
E agora sou um mendigo.

Nenhum comentário: