sexta-feira, 27 de março de 2015

Série letras e poesias antigas: Novo começo (1987)

Andando de ônibus ou na rua
Porque você não fica na sua
Deixa-me em paz, será que não vê
Eu quero te esquecer

Você foi tudo pra mim
Agora foi longe demais
Não adianta mais insistir
Já é tarde, não chegue mais

Quando estávamos juntos
Você nem ligava
Agora que me perdeu
Queres que eu volte pra casa

Embora eu sinta tua falta
Agora não dá mais pra ficar
Você fez o que quis
E me passou pra trás.

Não adianta vir atrás
Esse jogo eu conheço
Você sempre dominou
Mas agora será um novo começo


Nenhum comentário: